CONTÁBIL LAGO AZUL

BLOG

out
17
Impostos

6 passos para declarar ações no imposto de renda

Muitos investidores têm dúvidas sobre como declarar  as suas ações no imposto de renda, principalmente quando nunca realizaram este tipo de operação. Por isso, construímos um passo a passo para orientar este processo, conforme abaixo: 

  • Passo 1 – Obtenha dados de suas movimentações

É fundamental ter o controle absoluto de todas as suas movimentações. Monte uma planilha para acompanhar mensalmente os seus investimentos e tenha tudo documentado. 

  • Passo 2 – Apure todos os seus lucros

É necessário levar em consideração o preço médio que orienta a compra e a venda das suas ações. Cálculo que é realizado aplicando a tributação na cotação de compra e de venda, deduzido o desconto da corretagem e também as taxas que foram cobradas pela B3.

  • Passo 3 – Fazer o download do programa de IR

Baixe o programa do Imposto de Renda, disponível no site da Receita Federal.

  • Passo 4 – Insira os dados das operações isentas 

Apure todas as suas operações isentas de imposto de renda.

  • Passo 5 – Coloque as operações sujeitas à tributação 

As operações tributáveis são: Day Trade, Swing Trade e Position Trade. Cada uma tem um tipo de alíquota, que é necessário sempre observar no momento da declaração do imposto de renda.

  • Passo 6 – Informe suas ações 

É fundamental que você também diga à Receita quais são as ações que você possui, independente do ano em que as adquiriu.

Vale lembrar que, conforme a Lei 8.137/90, sonegar impostos é um crime, que pode levar uma pessoa à prisão por até cinco anos e, ainda, ter a imputação de outros crimes relacionados. Por isso,  todo investidor deve obter o controle financeiro e declará-los corretamente. 

 

Ficou ainda alguma dúvida? 

Caso ainda tenha alguma dúvida, entre em contato conosco que teremos o prazer em atendê-lo. Importante destacar que obter ajuda especializada é de suma importância para garantir a assertividade na realização de processos desta natureza.